Por:

Uma visão completa da encantadora Pirenópolis – por Laila Nascimento

Laila Nascimento esteve em Pirenópolis e compartilhou com a gente sua visão sobre a cidade. Confira:


Pirenópolis, cidade histórica muito encantadora que conheci nas férias, geralmente quando se fala em cidade histórica, se lembra de retrocesso, desconexão com o mundo atual, mas com Piri não é assim.

Piri ponte mulher pirenópolis
Laila Nascimento em um passeio em Pirenópolis

Piri possui uma variedade grande em estabelecimentos comerciais com propostas e temáticas atuais possíveis (dá até vontade de contar quantos têm pra todas as noites ir em um diferente), desde comidas e bebidas típicas locais até as estrangeiras (árabe, chinesa, e etc.), recordo-me muito bem de ter ido em um restaurante contemporâneo incrível que ao mesmo tempo era bar e lounge (Eco Freak Lounge Café) que oferecia um repertório extenso em bebidas pra todos os gostos, geralmente em cidades históricas é bem improvável encontrar este tipo de estabelecimento.

mulher banho de cachoeira pirenópolis
Laila Nascimento em um passeio em Pirenópolis

Outro ponto que me impressionou bastante foi a forma como os moradores se preocupam com suas casas, a maioria delas são bem zeladas e com o seu perfeito design histórico conservado, elas memoram muito as casas das cidades da chapada diamantina na Bahia, mas são mais bonitas, mantendo assim, a sua peculiaridade. E o que falar das feiras e casas de artesanato? (fui em uma chamada Galleria Shop) a rica diversidade cultural exibida ali é simplesmente um sonho! eu literalmente pirei com tanta coisa linda em um só lugar, se fosse pra descrever cada novidade, cada decoração maravilhosa este texto teria umas 20 páginas.

Laila Nascimento em um passeio em Pirenópolis
Laila Nascimento em um passeio em Pirenópolis

Muitas pessoas se preocupam em contratar um guia turístico nas viagens quando são leigos em relação ao lugar a ser visitado, mas nem eu e nem minha família tivemos este tipo de problema visto que Piri possui um centro de informação ao turista completo, além de outros pontos informais espalhados pela cidade. Nós não havíamos reservado pousada antes de ir lá em época de temporada (uma mancada) mas se isto acontecer com você não se preocupe pois Piri dispõe de uma ampla variedade em pousadas e hotéis (ampla mesmo) Se tratando das atrações turísticas, em nem vou falar muito, só posso dizer em poucas palavras que é perfeito!, várias opções de cachoeiras pra se visitar, cada uma mais bonita que a outra (da vontade de contar cada uma, pra em cada dia ir em uma diferente) infelizmente como o tempo que fiquei foi bastante curto (dois dia), só conheci apenas uma delas, a das Araras, e é como eu disse no início do texto encantadora.

Laila Nascimento em um passeio em Pirenópolis
Laila Nascimento em um passeio em Pirenópolis

Tenho 15 anos e apesar de nova, Viagem pra mim é a minha existência, sou viajante de carteirinha, e assim também são meus pais (kkk tá no sangue) , curiosa, observadora, amo conhecer: sabores, cheiros, sensações diferentes (aliá, quem não ama?), e foi tudo isso que Pirenópolis o lugar que não é apenas um lugar <3 me proporcionou, esta foi a minha conclusão, e você por que não vem tirar a sua?. #VemPraPiri


Veja mais dicas de Passeio por Pirenópolis


Os conteúdos e opiniões apresentadas neste post não são de responsabilidade do VemPraPiri.com.br e não representam, necessariamente, as opiniões do site.

Já esteve em Piri? Publique também suas dicas de passeios com a gente. Clique aqui ou nos envie um email para: vemprapiri@gmail.com com textos e fotos.

Até a próxima! 🙂